Mercado

Café arábica encerra 2ª com altas de até 105 pts nos principais vencimentos

O mercado do café arábica teve mais um dia de encerramento em alta na Bolsa de Nova York (ICE Futures Group). Entretanto, os primeiros vencimentos ainda não rompem a linha de US$1,25/lb a US$1,30/lb.

 

postado em 12/06/2017 | Há 2 meses

Julho/17 encerrou com 105 pontos de alta, a 127,60 cents/lb. Para setembro/17, 95 pontos de alta, a 129,80 cents/lb. Dezembro/17 também teve 95 pontos de alta, a 133,30 cents/lb e março/18, 90 pontos de alta, a 136,80 cents/lb.

O analista de mercado Jack Scoville, da Price Futures Group, comentou que as temperaturas em queda do último final de semana no Brasil não trouxeram danos para as produções no país, embora este fator tenha acelerado os ânimos do mercado nos últimos pregões.

Há uma pressão baixista também a respeito das estimativas da Comexsim de que a colheita brasileira deve cair para 31 milhões de sacas, mas esses números ainda não se fazem presentes no mercado.

Diante dos temores com a cena política, o dólar encerrou o dia a R$3,3115 na venda, rompendo o teto informal de R$3,30, como aponta a Reuters. Na máxima do dia, a moeda chegou a atingir R$3,3278.

Mercado interno

O café tipo cereja descascado anotou uma variação positiva de +2% em Guauxpé (MG), a R$510,00. Ao mesmo tempo, Espírito Santo do Pinhal teve uma variação negativa de -2%, a R$490,00.

Já para o café tipo 4/5, Poços de Caldas (MG) teve variação positiva de +1,08%, a R$466,00 e Franca (SP), de +1,06%, a R$475,00. Varginha (MG) se manteve estável, a R$465,00.

No café tipo 6 duro, a maior variação positiva foi vista em Poços de Caldas (MG), a +1,12%, com cotação de R$453,00. Em Vitória (ES), houve uma variação negativa de -2,27%, a R$430,00.

Por: Izadora Pimenta
Fonte: Notícias Agrícolas

 

Veja tambÉm: