Estatísticas

Pesquisa de estoques privados de café prorrogada até dia 21

O prazo para apuração da quantidade de café estocado este ano pela setor privado no Brasil foi estendido até a próxima sexta-feira (21).

 

postado em 13/04/2017 | Há 3 meses

 Os formulários preenchidos por indústrias, cooperativas, associações e armazenadores de café de todo o país já estão chegando à área de Informação do Agronegócio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que coordena a pesquisa.

Com a prorrogação, mais integrantes da cadeia ligadas à produção e comercialização do produto da safra 2015/2016 vão poder participar da pesquisa, permitindo obter um retrato mais fiel do segmento, trabalho que é feita anualmente pela Conab. Os dados servem de base para a formulação de políticas públicas de fomento à produção agrícola e de abastecimento.

As informações devem ter como data de referência a posição dos estoques no dia 31 de março de 2017 e não devem incluir o produto da nova safra nem os estoques públicos eventualmente armazenados. Os volumes devem ser informados separadamente por unidade armazenadora e por tipo - arábica ou conilon. Mesmo que os armazenadores não possuam estoques na data de referência, o formulário deve ser preenchido.

Como no ano passado, há duas formas para informar a posição do estoque final de café. Os armazéns ou depósitos que estiverem cadastrados no Sistema de Pesquisa de Estoques Privados (Sipesp) e que receberam a senha de acesso podem preencher as informações online, pelo sistema. Aqueles que não possuem e-mail no Sipesp deverão preencher o boletim enviado pela Companhia e devolver até 21 de abril pelo correio ou pelo email estoque-privado@conab.gov.br também até 14 de abril. Quem não recebeu o boletim deve entrar em contato com a Conab.

 

Veja tambÉm: