Comércio

CNT: agronegócio é a maior parte da carga transportada no País

 

postado em 28/07/2015 | Há 2 anos

DCI

27/07/15

Representando cerca de 23% do PIB do Brasil, o setor de agronegócio responde por 39,7% das cargas transportadas no País, diz um relatório da Confederação Nacional dos Transportes (CNT). Já a carga fracionada (mercadorias variadas de diferentes clientes) ficou em 2º lugar, com 35,3% do total transportado no País.

Entre os desafios sentidos pelos empresários do ramo, a CNT apontou que 82,5% dos entrevistados disseram existir, em algum momento, operações sem carga em seus veículos, sendo que 16% afirmaram circular em 30% das distâncias percorridas com o veículo vazio. Para 19,2%, metade dos quilômetros percorridos mensalmente foi com caminhão desocupado. Os dados revelam que a idade média de veículos de empresas é de 8,7 anos e a dos caminhoneiros de 21,5 anos.

O estudo da CNT observou também que 97,9% das empresas detêm mecanismo de monitoramento e controle de velocidade, 42,4% dos transportadores disseram percorrer 13 mil km por mês ou mais.

As empresas que responderam às questões são de transporte com frotas maiores ou iguais a 50 veículos, sendo caminhões próprios ou agregados, com a participação de veículos de caminhoneiros autônomos.

 

Veja tambÉm: