Mercado

Gabrielli nega novos investimentos em produção de amônia e ureia

 

postado em 24/11/2009 | Há 7 anos

 
24 de Novembro de 2009

Mariana Jungmann
Repórter da Agência Brasil  
 
Brasília - O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli, negou hoje (24) que tenham ficado acertados com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, investimentos novos em produção de ureia e de amônia.

“Não anunciamos investimentos novos. Nós anunciamos que estamos estudando algumas alternativas para aumentar a produção de ureia. Mas está em fase de estudo”, afirmou.

Gabrielli também foi cauteloso sobre o anúncio de Stephanes de que o Brasil poderá atingir a autossuficiência em ureia e amônia em 2014. “Provavelmente não”, respondeu ele, quando perguntado se o Brasil iria atingir a autossuficiência naquele ano.

O ministro da Agricultura anunciou novas plantas de produção dos dois insumos em Mato Grosso, no Espírito Santo e em Sergipe, após a reunião com Gabrielli e Lula.

 

Veja tambÉm: