Mercado

Café arábica atinge maior nível de preço em 30 anos

 

postado em 22/02/2011 | Há 6 anos

Terra

 22 de fevereiro de 2011 • 13h09 • atualizado às 13h09

Os futuros do café arábica subiram ao seu maior nível em mais de 30 anos nesta terça-feira, e devem aumentar ainda mais com a oferta dos grãos de alta qualidade não conseguindo acompanhar a demanda, segundo analistas.

O aumento dos preços foi provocado por três safras consecutivas abaixo do volume normal na Colômbia, maior produtor de grãos arábica lavados de alta qualidade, enquanto o Brasil, produtor número um de café do mundo, se aproxima do ano de baixa em seu ciclo da safra bienal.

\"Os compradores estão procurando desesperadamente por ofertas disponíveis\", disse Stefan Uhlenbrock, analista da F.O. Licht, observando que um ano de baixa apenas no Brasil já é suficiente para causar um déficit no mercado global de café.

Os futuros do arábica em Nova York para maio aumentaram para a máxima de US$ 2,7840 por libra-peso nos primeiros momentos da sessão nesta terça-feira, subindo 5,40 centavos ou 2% no dia. Os preços agora mais que dobraram desde junho de 2010.

Mais tarde, por volta das 13h05 (de Brasília), os futuros na ICE subiam menos, 2,7 centavos, para US$ 2,7435 por libra. Analistas disseram que a demanda por café também se provou firme durante o declínio econômico global e muitos acreditam que os preços chegarão a US$ 3 a libra-peso em breve.

\"Há muitas chances de os preços atingirem este nível (de US$ 3). Nós estamos longe de resolver as incertezas quanto ao fornecimento de maneira geral\", disse Uhlenbrock.

 

Veja tambÉm: