Mercado

Procafé: Seca afeta 50% da área de café do Sul de Minas Gerais

 

postado em 12/09/2017 | Há 2 meses

Por Fabiana Batista

2017-09-12 15:52:39.192 GMT

(Bloomberg) -- Metade da área de café-arábica do sul de Minas Gerais já perdeu potencial produtivo para a safra 2018 devido à falta de chuvas, André Luiz Alvarenga Garcia, agrônomo da instituição de pesquisa Fundação Procafé, diz em entrevista por telefone.

* Perdas começam a ocorrer quando déficit de água no solo chega a 150mm
* Esse nível de déficit também afeta a regi&atil de;o conhecida como Mogiana, em São Paulo, desde o dia 7 de setembro
* Se as chuvas não vierem até o fim do mês, a outra metade do Sul de Minas Gerais também entrará em deficit hídrico
* Em algumas regiões de Minas Gerais não chove há mais de três meses e, no ano, as chuvas estão abaixo da média histórica na maior parte das regiões cafeeiras
* Seca deve prejudicar produção do Cerrado de Minas Gerais em meados deste mês
* Principal efeito da seca é a desfolha das árvores que, neste ano, foi agravada por uma maior incidência do fungo ferrugem das folhas do café
** "Árvores já afetadas por desfolha não se recuperam mais para a próxima safra. O potencial produtivo já foi afetado, é irreversível", di z Garcia
 

Veja tambÉm: