Comércio

Mapa repassa R$ 1,2 bilhão do Funcafé para agentes financeiros

Recurso é destinado a operações de estocagem de café, custeio, aquisição do produto e capital de giro para indústrias e cooperativas

 

postado em 05/08/2017 | Há 2 meses

  
Brasília (4/8/2017) - O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) repassou, nesta sexta-feira (4), R$ 1,2 bilhão aos agentes financeiros que operam com Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). Os recursos foram transferidos para os bancos Fibra, Rabobank, ABC Brasil, BDMG, Ribeirão Preto, Pine e Cooperativa de Crédito de Livre Admissão de Patrocínio e Região - SICOO COOPACREDI.

As liberações para as sete instituições financeiras contratadas pelo Funcafé, de um total de 34 bancos, somam R$ 618 milhões para a linha de financiamento de estocagem, R$ 152,9 milhões para custeio, R$ 235 milhões para aquisição do café (FAC), R$ 25 milhões para capital de giro para indústrias de café solúvel, R$ 47,5 milhões para torrefação de café e R$ 115,4 milhões para as cooperativas de produção.

Neste ano, o Funcafé dispõe de R$ 4,9 bilhões para financiar o setor do agronegócio do café. As taxas de juros foram definidas no lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2017/2018. As taxas de custeio foram fixadas em 8,5% ao ano e de comercialização, 11,25% a.a.

 

Veja tambÉm: