Tecnologias

Fenicafé: Simpósio sobre cafeicultura irrigada reúne 30 trabalhos de pesquisa

Os trabalhos foram inscritos no site da Fenicafé e selecionados pelo Comitê Científico do Simpósio

 

postado em 22/03/2017 | Há 8 meses

Fenicafé: Simpósio sobre cafeicultura irrigada reúne 30 trabalhos de pesquisa

A programação desta quarta-feira (22) da Fenicafé será inteiramente voltada para irrigação. É o que informou o prof. André Luís Fernandes, durante a abertura do 19ª edição do Simpósio Brasileiro de Pesquisa em Cafeicultura irrigada. “Será um dia voltado para a tecnologia de irrigação, propriamente dita”, adianta o pró-reitor de pesquisa da Uniube.

Além de André Fernandes, participaram da abertura do evento o presidente da Associação dos Cafeicultores de Araguari (ACA), Claudio Morales Garcia, e o presidente da Associação Brasileira de Irrigação e Drenagem (ABID), Helvécio Saturnino.

Helvécio Saturnino parabeniza a organização da Fenicafé e destaca a importância da feira para a tecnologia de irrigação. “É um trabalho pautado na persistência, no companheirismo e na troca de experiência. A Fenicafé veio para somar com espirito de cooperação, contribuindo para o desenvolvimento da cafeicultura do Cerrado”, garante.

Para Saturnino, o grande desafio é usar a água de forma consciente. “Hoje é o Dia Mundial da Água é um dia para reflexão. A quantidade de água que existe no mundo continua sendo a mesma, resta a nós sabermos usá-la com consciência”.

O pesquisador informa ainda que, na agricultura irrigada, “devemos ser parceiros do saneamento e da preservação dos rios; só assim teremos água para todo mundo. Devemos fazer a reservação e a sábia utilização da água”, completa dizendo que a Fenicafé é uma ótima oportunidade para aprender mais sobre a irrigação e suas novas técnicas.

O cafeicultor Fábio Machado, de Patrocínio, diz que ainda há muito a ser feito. “O meio rural é taxado como o grande vilão, mas esquecem do meio urbano que também consome e desperdiça muita água”, questiona o produtor rural que cobra mais políticas públicas neste sentido.

“No caso da energia elétrica foram criadas bandeiras com valores adicionais sobre o excesso no uso da fonte, caso seja ultrapassada uma faixa imposta pelo governo. Por que não fazer isso também com o consumo de água”.  

Além de discutir pontos relevantes sobre irrigação, o evento também serve para a exposição de 30 trabalhos de pesquisas que envolvem a cafeicultura irrigada. Estes trabalhos foram inscritos no site da Fenicafé e selecionados pelo Comitê Científico do Simpósio.

Fenicafé - A feira é uma grande oportunidade para discussão de aspectos relevantes da cafeicultura irrigada e tem contribuído para o crescente cultivo dessa modalidade no Brasil. Este ano, a feira acontece de 21 a 23 de março de 2017, no Pica Pau Country Club, em Araguari, no Triângulo Mineiro.

Promovida pela Associação dos Cafeicultores de Araguari (ACA), a Fenicafé é dividida em três partes: o Encontro Nacional de Irrigação da Cafeicultura do Cerrado, a Feira Nacional de Irrigação em Cafeicultura e o Simpósio de Pesquisa em Cafeicultura Irrigada.

                Para conhecer mais sobre a feira, visite as páginas do evento na internet e nas redes sociais: www.fenicafe.com.br

 www.facebook.com/fenicafe

 www.youtube.com/fenicafeari

instagram @fenicafe

 

Veja tambÉm: