Mais Café

Livro “Conversas de Café” No Museu Mumac

A coleção do museu Mumac inclui cerca de 200 máquinas de café, exibidas ao longo de seis salas, cada um dos quais representa uma época do século XX.

 

postado em 12/10/2016 | Há 3 meses

Fatima Moura

Livro “Conversas de Café” No Museu Mumac
No passado domingo o entusiasta de coleccionismo Manuel Guedes, fundador da marca Acervo do Café®, português residente na Suíça numa das suas visitas de estudo na área do café, ofereceu a obra “ Conversas de café”, da escritora gastronómica portuguesa Fátima Moura, ao acervo bibliográfico do Museu Mumac, em Itália.

A coleção do museu Mumac inclui cerca de 200 máquinas de café, exibidas ao longo de seis salas, cada um dos quais representa uma época do século XX. O objectivo deste museu é dar uma visão completa sobre a evolução do design e da tecnologia da máquina de café expresso profissional, desde suas origens até aos dias de hoje.

O MUMAC não se limita a expor as máquinas, mas reproduz a atmosfera da respectiva época em cada sala, com móveis, música de fundo e gráficos evocativo desse tempo. Ao longo do caminho, os visitantes podem tirar proveito de multimédia (monitor e tela sensível ao toque) para adquirirem mais informações culturais e históricas.

Ítens de colecionador, objetos de design, peças de mobiliário para bares e locais de prestígio, símbolos de épocas e estilos artísticos e culturais, todas as máquinas de café expostas testemunham a inclinação italiana para a estética, o estilo e o bom gosto.

Sobre Fátima Moura

Fátima Moura nasceu em Luanda, Angola. Licenciou-se em Filosofia pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. É escritora na área da gastronomia, dedicando-se sobretudo a investigação dos produtos portugueses, tendo publicado diversos livros nesta área, nomeadamente Sabores do Ar e de Fogo e Conversas de Café, ambos editados pelos CTT e ainda Portugal, O Melhor Peixe do Mundo e Semear Sabor, Colher Memórias. Tem um blogue, Conversas à Mesa, sobre temas ligados à gastronomia.

Sobre Acervo do Café®

O café é uma bebida negra e mágica, mas também pode ser cultura, como nos prova o Acervo do Café®, uma criação de Manuel Guedes. Este entusiasta do coleccionismo juntou ao longo da sua vida um vasto espólio de documentos e objectos relacionados com o Café que faz questão de partilhar através de exposições, congressos, conferências, workshops e eventos que nos conduzem a uma viagem ao maravilhoso mundo do Café. Desta forma, Manuel Guedes ultrapassa a tradicional concepção de colecção, transformando-a numa oferta cultural que estimula e consolida os vínculos dos portugueses na Diáspora, começando na região onde está actualmente inserido, em especial a Suíça, o Luxemburgo e o Liechtenstein.

No centro deste conceito inovador, que inclui facetas didácticas, culturais, gastronómicas e científicas, está sempre o café, um produto que Portugal cultivou, produziu e ajudou a propagar em todo o mundo. Ao lançar hoje a Marca Acervo do Café®, Manuel Guedes partilha com todos não apenas uma reputada colecção mas também um conjunto de serviços associados ao café, um produto indissociável da Portugalidade.

 

Veja tambÉm: