Estatísticas

Exportações brasileiras de café atingem mais de 18 milhões de sacas de 60kg de janeiro a julho de 2016

Café é o quinto produto no ranking das exportações do agronegócio e gera receita cambial de US$ 2,7 bilhões. Estes e outros destaques constam do Informe Estatístico do Café da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastec

 

postado em 11/08/2016 | Há 5 meses

O Informe Estatístico do Café do mês de julho de 2016 destacou que o Brasil exportou  18,395 milhões de sacas de 60kg de café nos sete primeiros meses deste ano que geraram US$ 2,7 bilhões. A quantidade exportada e a receita cambial gerada foram, respectivamente, 10,7% e 25,1% inferiores ao mesmo período do ano passado, quando atingiram 20,589 milhões de sacas e US$ 3,6 bilhões. O café foi o quinto no ranking dos principais produtos exportados do agronegócio brasileiro (janeiro-julho/2016), precedido pelo complexo soja, carnes, complexo sucroalcooleiro e produtos florestais.

Segundo o Informe Estatístico do Café, os dez principais países importadores de café do Brasil foram: EUA, com 3,484 milhões de sacas; Alemanha - 3,404 milhões de sacas; Japão – 1,453 milhão de sacas; Itália – 1,398 milhão de sacas; Rússia – 510 mil sacas; Canadá – 453 mil sacas; França – 404 mil sacas; Turquia – 398 mil sacas; Espanha – 361 mil sacas; e Suécia - 386 mil sacas.

Leia esta matéria na íntegra sobre o Informe Estatístico do Café do mês de julho de 2016 no portal da Embrapa Café

 

Veja tambÉm: