Mercado

Gerardo e Bertone participam da reunião da OIC em Londres

 

postado em 21/09/2011 | Há 6 anos

21/09/2011
 

Venilson Ferreira Agência Estado

 
O Diário Oficial da União publicou o despacho do ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro, que autoriza o secretário de Produção e Agroenergia, Manoel Vicente Bertone, e o assessor especial, José Gerardo Fontelles, a se ausentarem do País na próxima semana, para participar da reunião da Organização Internacional do Café (OIC), em Londres.
 
O encontro, que começa na segunda-feira (26), irá escolher o presidente que comandará a entidade nos próximos cinco anos. O favorito é o mineiro Robério Silva, atual diretor do Departamento de Café do Ministério da Agricultura. A delegação brasileira deve contar com cerca de 40 pessoas do governo e do setor privado (produtores, exportadores e torrefadores). Silva está em Londres desde o início desta semana, onde articula sua candidatura.
 
O Brasil comandou a entidade desde a fundação em 1962 até 2002, quando o governo brasileiro em cima da hora retirou a candidatura de Oswaldo Aranha Neto. De 2002 até o até o ano passado a OIC foi comandada pelo colombiano Nestor Osorio, que renunciou ao cargo para tornar-se embaixador junto à Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York. Desde então, o brasileiro José Sette é o diretor-executivo interino.
 
Robério Silva irá concorrer com o indiano G. V. Krishna Rau e o mexicano Rodolfo Trampe Taubert. Como maior produtor mundial, o Brasil tem 40% dos votos entre os países produtores. O vencedor do pleito terá que contar com pelo menos 70% dos votos dos países produtores e 30% dos países consumidores de café. A entidade reúne 77 países que representam 97% da produção mundial e cerca de 80% do consumo de café. Os consumidores são União Europeia, Estados Unidos, Suíça e Turquia.

 

Veja tambÉm: