Mercado

Venda de defensivos agrícolas aumenta 3,8% de janeiro a julho

 

postado em 29/08/2011 | Há 6 anos

27/08/2011
 
Venda de defensivos agrícolas aumenta 3,8% de janeiro a julho
 
São Paulo, 26 - As vendas de defensivos agrícolas no Brasil cresceram 3,8%, para R$ 4,425 bilhões, no período entre janeiro e julho, de acordo com dados divulgados pelo Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Agrícola (Sindag). No mesmo intervalo em 2010, o faturamento foi de R$ 4,261 bilhões.

A elevação das vendas foi puxada pelos inseticidas: 22%, para R$ 1,438 bilhão no acumulado do ano, em especial por causa do aumento na área plantada com algodão. A comercialização também aumentou nos segmentos de cana-de-açúcar, soja, café, trigo e hortifrutigranjeiros.

O incremento expressivo nos inseticidas mais que compensou a queda de 2,9% nas vendas de herbicidas (por conta do período pouco chuvoso) e de 9,8% nas de fungicidas (menos incidência de ferrugem na soja).

O Sindag manteve as perspectivas para as vendas no País em 2011. A expectativa é de crescimento de 10%, para US$ 8 bilhões, ante US$ 7,3 bilhões em 2010. Em moeda nacional, o faturamento deve atingir R$ 13,5 bilhões, contra R$ 12,9 bilhões em 2010, elevação de 4,65%
 

 

Veja tambÉm: