Mercado

Café: leilão negocia 2,65% da oferta de 97.388 sacas

 

postado em 29/03/2011 | Há 6 anos

Café: leilão negocia 2,65% da oferta de 97.388 sacas
Agência Estado
29/03/2011

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) concluiu há pouco dois leilões de venda de café. O primeiro remate negociou apenas 2,65% (154.959 kg, ou 2.583 sacas de 60 kg), de um total ofertado de 5.843.297 kg de café em grãos (97.388 sacas), safra 2002/2003, conforme aviso de venda número 087/11.
 
Os cafés vendidos estão depositados em Conceição do Rio (MG) e foram arrematados pelo valor de abertura do leilão (R$ 7,20 o quilo, ou R$ 432,00 a saca). O total da operação alcançou R$ 1.115.705,80. Os grãos são oriundos dos contratos de opção adquiridos pelo governo no âmbito da Política de Garantia de Preços Mínimos.
 
Esse mesmo produto já foi ofertado em três leilões anteriores (22 de fevereiro, 3 de março e 17 de março), mas na ocasião não houve interesse de compra. O preço de abertura era mais alto: R$ 7,67 por quilo, ou R$ 460,20 a saca, nos três leilões.
 
O governo ofereceu, ainda, 40.704 quilos de café em grãos (678 sacas), do estoque público, depois de encerrado o leilão do aviso de venda 087/11. No entanto, não houve interesse de compra. O produto está depositado em Minas Gerais, conforme Aviso de Venda 088/11, e o preço de abertura foi de R$ 7,20 o quilo.

 

Veja tambÉm: