Produção

Cafeicultores da Colômbia vão replantar 100 mil hectares de cafezais em 2011 com variedades resistentes ao roya

 

postado em 23/12/2010 | Há 7 anos

Os produtores de café da Colômbia vão replantar 100 mil hectares de cafezais em 2011 com variedades resistentes ao roya, um fungo que tem se espalhado pelas regiões produtoras do país e agora já alcança até áreas onde, pensava-se, não sobreviveria. A doença é geralmente encontrada em altitudes de até 600 metros acima do nível do mar, mas produtores dizem que por causa da mudança do clima, o fungo tem aparecido em áreas mais altas desde o ano passado.

A doença ataca a folhagem do cafezal, que muda de cor e morre. As árvores, então, não conseguem produzir frutos. O replantio é normal em qualquer região produtora, mas no início deste ano, o governo decidiu que iria subsidiar a substituição de cafezais desde que fosse realizada com variedades resistentes ao roya. Em 2010, a Colômbia replantou 80 mil hectares com variedades melhoradas geneticamente. \"Vamos imunizar o país contra esse fungo, que causa tanto dano à renda dos produtores\", disse Luis Genaro Muñoz Ortega, diretor executivo da Federação Nacional dos Produtores de Café do país. A Colômbia teve duas safras ruins consecutivas e espera recuperar sua produção em 2011. As informações são da Dow Jones.
 

Veja tambÉm: