Mercado

Boletim Semanal do Café - 22/10/10

 

postado em 23/10/2010 | Há 6 anos

Hencorp Commcor

O Café Arábica para o vencimento Dez/10 fechou com 1.245 pontos de alta na semana trabalhando no range de 1.975 pontos, fazendo a mínima a 183,75 e a máxima a 203,50 encerrando cotado a 198,85, na sexta-feira, com 215 pontos de queda.

Marcada por uma semana de forte volatilidade, a cotação do café, após registrar sua mínima da semana a 183,75, iniciou um acentuado movimento de apreciação, quando na quebra da forte resistência de 185,00, forte ativações de stops foram notadas, quando então o grão buscou primeiramente sua máxima da semana anterior a 190,45.

As noticias divulgadas na semana, como a previsão de aumento das exportações brasileiras de café para o próximo ano, bem como a queda na produção de café em países da América Central, deixaram o mercado de certa forma altista, quando o mesmo ganhou força até uma nova máxima 198,15.

Os fundamentos altistas não pararam por ai, as posições em aberto da call de 200,00 apresentavam 10.000 contratos na quarta-feira, motivando assim a busca por esse strike. Nummovimento vazio, o grão buscou sua máxima de 13 anos a 203,50, onde então encontrou certa resistência, trabalhando nas sessões subseqüentes perto dos niveis de 200,00, fechando asemana cotado a 198,85. De acordo com a Cecafé, os embarques no mês de outubro (de 01 a 21) somam 1.751.517 sacas, uma variação positiva de 31,0% em relação ao mesmo período domês anterior.

O Mercado de café trabalhou está semana oscilando de 183,75 a 203,50. Trabalhando em uma semana de melhora nas ofertas das commodities agrícolas, e também defesa de posição por parte de fundos, chegamos a um nível de negociação desde 1997 para o café. Acionando stops referente a posições de opções desde 190,00 e tendo um volume maior de cobertura após romper os 200,00. As arbitragens Dez10/Dez10 de -19,00 a -23,10; Dez10/Mar11 de -21,20 a -24,50; Mar11/Mar11 de -20,00 a -23,00 e no Set11/Set11 de -18,50 a -22,00.

O mercado futuro do café em Nova York fechou com alta de 1.245 pontos. Fundos e especuladores foram responsáveis por grande volume de compras técnicas que levaram as cotações ao nível de 203,50 cents, base dez10. Este patamar foi alcançado pela última vez em 1997. Observamos nesta semana mais uma fortedesvalorização do dólar americano nas principais praças financeiras com influência direta nos mercados futuros. Agora acreditamos em uma nova tentativa de alta na próxima semana comobjetivo em 210,00 cents. Principais suportes em 195,50 cents e depois 190,00 cents e principais resistências em 203,50 cents e depois 210,00 cents base dez10.

 

Veja tambÉm: