Mercado

COTAÇÃO DO CAFÉ - Mercado cafeeiro iniciaram a semana em campo positivo

 

postado em 28/09/2010 | Há 6 anos

Infocafé de 27/09/10.    

 
MERCADO INTERNO
 
BOLSAS N.Y. E B.M.F.
Sul de Minas R$ 332,00 R$ 322,00  
Contrato N.Y.
Fechamento
Variação
Mogiano R$ 332,00 R$ 322,00 Dezembro/2010 182,25 +1,65
Alta Paulista/Paranaense R$ 322,00 R$ 312,00 Março/2011 183,85 +1,65
Cerrado R$ 337,00 R$ 327,00 Maio/2011 183,65 +1,80
Bahiano R$ 322,00 R$ 312,00  
* Cafés de aspecto bom, com catação de 10% a 20%.
Contrato BMF
Fechamento
Variação
Cons Inter.600def. Duro R$ 240,00 R$ 230,00 Dezembro/2010 217,10 +2,85
Cons Inter. 8cob. Duro R$ 265,00 R$ 255,00 Março/2011 217,85 +2,85
Dólar Comercial: R$ 1,7090 Maio/2011 214,90 +3,00

As operações no mercado cafeeiro iniciaram a semana em campo positivo, mesmo após as zonas produtoras de café do Brasil terem registrado a retomada das chuvas após a uma prolongada temporada de estiagem. Em N.Y. a posição dezembro atingiu máxima de + 4,40 pontos, porém realizações de lucros limitaram os ganhos fechando com +1,65 pts.

Já na América Central, os temores estão concentrados nas chuvas intensas que atingiram zonas produtoras de café de Honduras, da Guatemala e do México. Em princípio, as entidades representativas do segmento cafeeiro apontaram que não foram registrados prejuízos significativos nas lavouras cafeeiras. Entretanto, a infra-estrutura de muitas regiões cafeeiras foi afetada. Em muitos desses locais, as lavouras de café estão instaladas em pontos isolados, sombreadas por árvores bastante robustas, sendo que para se chegar a esses locais é necessário contar com estradas rurais que, em muitos casos, são caracterizadas apenas por uma via pobre para passagem de um veículo. As chuvas intensas dos últimos dias, trazidas pela tormenta tropical Matthew, fez com que essas estradas e também as ligações viários de maior en vergadura, como aquelas que levam das zonas produtoras para as áreas de beneficiamento e exportação, foram afetadas e isso pode representar atrasos na colheita ou nas remessas do café. As entidades representativas têm solicitado aos governos locais um trabalho efetivo para a melhoria na infra-estrutura.

O dólar fechou hoje em queda de 0,12% a R$ 1,7090. Hoje o Banco Central não realizou o segundo leilão, que vinha aplicando desde 8 de setembro, com a finalidade de controlar a liquidez e a valorização do real diante de fluxo positivo para a capitalização da Petrobras.
A volta da realização de apenas um leilão pelo BC coincide com o término da capitalização da Petrobras, a liquidação da oferta da estatal ocorre quarta-feira, mas analistas acreditam que o \"grosso\" de recursos estrangeiros já entrou no País.
Nos 13 pregões consecutivos de duplos leilões, o mercado avalia que o BC enxugou US$ 10,7 bilhões. Nas últimas sessões, a autoridade monetária já vinha reduzindo o volume de compras, sinal, segundo analistas, de que a liquidez já ficava mais estreita. A média diária de compras com os duplos leilões caiu de cerca de US$ 1 bilhão nos primeiros dias de intervenção para cerca de US$ 500 milhões nos últimos pregões. Declarações de hoje do ministro da Fazenda, Guido Mantega, corroboram as expectativas de que a era dos duplos leilões e de possibilidade do início de compras pelo Fundo Soberano do Brasil (FSB) não tenha se encerrado.

Na noite da última sexta-feira (24) no salão de festas do bairro de Santa Luiza em Espírito Santo do Pinhal, foram divulgados os finalistas do 5º Concurso de Qualidade de Café do Bairro de Santa Luzia e Região - Safra 2010. O evento foi organizado pela \"Associação dos Produtores de Cafés Especiais do Bairro de Santa Luzia e Região - ASPL\", e tem por objetivo a seleção de três lotes de café preparados pelo processo natural (via seca) e três lotes de café cereja descascado (via úmida), para serem encaminhados ao 9º Concurso Estadual de Qualidade - Café de São Paulo - Prêmio Aldir Alves Teixeira - Safra 2010. Segue abaixo os finalistas em suas categorias:

Categoria Cereja Descascado:

1º -   Humberto Pascuini  -  Sítio Recreio Nossa Sra. do Carmo - Espírito Santo do Pinhal.
2º -   Arnaldo Franco de Moraes e Outros  -  Fazenda Santana - Santo Antônio do Jardim.
3º -   Ronaldo Galvani  -  Fazenda Santa Cecília - São João da Boa Vista.

Categoria Natural:

1º -   Antonio Ragazzo Júnior - Sítio Pé da Serra  -  Espírito Santo do Pinhal.
2º -   Arnaldo Franco de Moraes e Outros  -  Fazenda Santana - Santo Antônio do Jardim.
3º -   Fabio Colletti Barbosa  -  Fazenda Nova Cintra - Espírito Santo do Pinhal.

As exportações de café do Vietnã em setembro provavelmente subirão 15% em termos de volume e 22,5% em valor na comparação com igual período de 2009, informou nesta segunda-feira o Escritório Geral de Estatísticas do governo. Os embarques neste mês devem somar 55 mil toneladas, ou 916.617 sacas, avaliadas em um total de US$ 87 milhões, segundo o departamento. Em setembro de 2009, o país exportou 48 mil toneladas, o equivalente a US$ 71 milhões. O escritório revisou as exportações de agosto para 78 mil toneladas, abaixo das 85 mil toneladas previstas anteriormente. No ano-safra 2009/10, que termina em 30 de setembro, o Vietnã embarcou 1,157 milhão de toneladas de café, ou 19,28 milhões de sacas, alta de 3,9% em relação ao mesmo intervalo de 2008/09. As exportações somaram US$ ,657 bilh&atilde ;o, quantia 3% menor frente ao ano anterior. As informações são da Dow Jones.

 

Infocafé é um informativo diário, da Mellão Martini
 

Veja tambÉm: