Tecnologias

CAFEICULTURA: Cuidados na colheita podem aumentar 30% o preço

 

postado em 26/08/2010 | Há 7 anos

Garantir a qualidade do café pode dar ao produtor uma renda extra na hora de comercializar

Garantir a qualidade do café pode dar ao produtor uma renda extra na hora de comercializar. Segundo o gerente comercial de café da Cocamar, Adenir Fernandes Volpato, o Gabarito, o mercado tem pago 30% a mais em média pelo café de boa bebida. \"Compensa e muito caprichar na colheita e na pós-colheita\", avisa.  Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apesar da expectativa de \"safra cheia\" no Brasil, com uma produção 13,2% maior que a de 2009, estimada em 45,8 milhões de sacas de 60 quilos em grãos beneficiados, a qualidade do produto poderá ser prejudicada por vários fatores num contexto em que os estoques de café, especialmente os de qualidade superior, estão em baixa no Brasil e no mundo.

Café Verde - O técnico agropecuário especialista em café, Antonio Carlos Spanhol, da Cocamar em Altônia, explica que ocorreram várias florações nesta safra, devido à longa estiagem e às chuvas abundantes que se seguiram em 2009, fazendo com que houvesse uma grande variação no estágio de maturação dos grãos. Por conta da mão de obra escassa e cara, e o tempo de colheita muito curto, a tendência é que seja colhido um percentual alto de café verde, comprometendo a qualidade. Por outro lado, com a quebra das safras anteriores da Colômbia e da América Central, que produzem cafés de melhor qualidade, o mercado internacional tem buscado no Brasil os melhores grãos para suprir essa demanda. No ano passado, entretanto, o País, além de ter tido uma safra pequena, teve a sua qualidade bastante afetada pelas condições climáticas, o que reduziu os estoques brasileiros e mundiais de cafés de melhor qualidade, conforme explica Gabarito.

No final - Na área de ação da Cocamar, 70% da safra já foram colhidas e a expectativa é de totalizar 60 mil sacas beneficiadas, produção bem maior que as 32 mil sacas do ano passado. A colheita começou no início de julho e vai até meados de setembro. Do total colhido, a maior parte ainda está no terreiro.

 

Veja tambÉm: