Curiosidades

Commodities

 

postado em 28/01/2010 | Há 7 anos

A palavra tem origem no termo commodity em inglês que significa basicamente mercadoria. Commodities são produtos básicos, bens comerciáveis, homogêneos e de amplo consumo, que podem ser produzidos e negociados por uma ampla gama de empresas. Podem ser produtos agropecuários, como boi gordo, soja, café; minerais, como ouro, prata, petróleo e platina; industriais, como tecido 100% algodão, poliéster, ferro gusa e açucar; e até mesmo financeiros, como as moedas mais requisitadas (dólar e euro), ações de grandes empresas, títulos de governos nacionais, etc.

O que torna as commodities muito importantes na economia é o fato de que, embora sejam mercadorias primárias, ou minimamente industrializadas possuem “negociabilidade” global. Isto ocorre em bolsas de mercadorias, portanto seus preços são definidos em nível global, pelo mercado internacional de acordo com fatores de oferta e demanda. Por este motivo são suscetíveis a oscilações nas cotações de mercado, em virtude de perdas e ganhos nos fluxos financeiros no mundo.

Em geral, as commodities são produzidas em grandes quantidades por um vários produtores/empresas. Não apresentam diferenciação e por isso apresentam baixo valor agregado, marca de referência ou serviço que as diferenciem.

Basicamente, são negociadas em duas formas: mercado à vista e futuro (fecha-se já um contrato para entrega/pagamento futuro), e nas Bolsas de Mercadorias, são negociadas em quantidades padrões: por exemplo, na BM&F o dólar é negociado em contratos de US$ 10.000 e o café em contratos de 100 sacas de 60 Kgs.

Os principais tipos de commodities são:

Agrícolas. Ex. café, trigo, soja, milho, açúcar, farelo de soja;

Minerais. Ex. ouro, petróleo, ferro, alumínio.

Financeiras. Ex. dólar, euro, real, índices futuros.

Ambientais. Ex. créditos de carbono, condições climáticas médias em regiões do planeta.

Recursos energéticos. Ex. energia elétrica

Químicas. Ex. ácido sulfúrico, sulfato de sódio, fertilizantes.

O Brasil é um grande produtor e exportador de commodities. As principais commodities produzidas no país são: petróleo, café, suco de laranja, minério de ferro, soja e alumínio. O fato de atuar como importante produtor e exportador de commodities é positivo ao país, porém há uma dependência evidente ante aos preços praticados internacionalmente. Em períodos de crescimento econômico, implicando em demanda firme, os preços sobem e as empresas/produtores obtém boas margens de lucro. No entanto, em cenário oposto, a economia do país sofre problemas sérios.

Existem várias bolsas de negociação de commodities ao redor do globo como a CBOT/CME em Chicago, a NYBOT/ICE em Nova York, a KCBT em Kansas City, a LME em Londres. No Brasil, os negócios concentram-se na BM&F, Bolsa de Mercadorias e Futuros, que recentemente fundiu-se com a Bovespa. A BM&F/Bovespa tem como objetivo o desenvolvimento e a administração de sistemas destinados à negociação e à liquidação de operações com títulos e derivativos que tenham como objeto ou possuam como referência ativos financeiros, índices, indicadores, taxas, mercadorias, moedas, preços de energia, transportes, commodities ambientais e climáticas, nas modalidades à vista e de liquidação futura.

Fonte: XP Investimentos adaptado de Wikipédia, Tribuna Impressa e BM&F/Bovespa.

Contate-nos pelo e-mail: agricolas@xpi.com.br

Acesse nosso site: www.xpi.com.br

 

Veja tambÉm: