Mercado

COTAÇÃO DO CAFÉ - Mercado cafeeiro finalizou as operações nesta terça-feira em campo positivo

 

postado em 22/09/2009 | Há 8 anos

Infocafé de 22/09/09.    

 
MERCADO INTERNO
 
BOLSAS N.Y. E B.M.F.
Sul de Minas R$ 260,00 R$ 250,00  
Contrato N.Y.
Fechamento
Variação
Mogiano R$ 260,00 R$ 250,00 Dezembro/2009 138,05 +2,40
Alta Paulista/Paranaense R$ 255,00 R$ 245,00 Março/2010 140,80 +2,40
Cerrado R$ 265,00 R$ 255,00 Maio/2010 142,60 +2,35
Bahiano R$ 255,00 R$ 245,00  
* Cafés de aspecto bom, com catação de 10% a 20%.
Contrato BMF
Fechamento
Variação
Cons Inter.600def. Duro R$ 230,00 R$ 227,00 Dezembro/2009 158,10 +1,55
Cons Inter. 8cob. Duro R$ 237,00 R$ 233,00 Março/2010 162,00 +1,30
Dólar Comercial: R$ 1,7980 Maio/2010 164,60 +1,70

  O mercado cafeeiro finalizou as operações nesta terça-feira em campo positivo, N.Y. operou entre a mínima de -0,55 pontos e máxima de + 2,60 fechando com + 2,40 pts. As cotações foram impulsionadas pelo comportamento positivo dos mercados externos juntamente com a ausência da pressão de vendas das origens.

  O dólar fechou com queda de 0,99% cotado a R$ 1,7980. O fluxo positivo (entrada maior que a saída de moeda estrangeira) ocasionou um movimento mais forte de vendas (de dólares). Segundo operadores, alguns acreditam que o fluxo tenha sido gerado pelo próprio vencimento de opções sobre ações ontem da Bovespa, que movimentou mais de R$ 3 bilhões. O fato é que "a demanda não é suficiente para sustentar a alta" da moeda, e há uma grande perspectiva de fluxo por conta das ofertas de ações e captações externas, ainda que esses dólares não cheguem imediatamente ao País.

  O mercado está em compasso de espera pelos IPOs (processos de abertura de capital de empresas), o que também colaborou para a queda.

  Terá início, amanhã (23), em Londres, a 103ª reunião do Conselho da Organização Internacional do Café (OIC). O Brasil participa com uma delegação reforçada pelas presenças de José Gerardo Fontelles, secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa); Carlos Melles, presidente da Frente Parlamentar do Café, representando a Câmara dos Deputados Federais; Antonio Carlos Arantes e Carlos Mosconi, deputados estaduais representantes da Assembléia Legislativa de Minas Gerais; Francisco Miranda, presidente da Cooperativa de Cafeicultores da Zona de Três Pontas (Cocatrel); Maurício Lima Verde, representante da CNA/Faesp; e de Gilson Ximenes, presidente do Conselho Nacional do Café (CNC). A rodada de reuniões na OIC começou, de fato, na última segunda-feira (21), quando foram realiza dos encontros preparatórios.

O primeiro trabalho da delegação brasileira presente na capital inglesa foi o de calibrar a participação e o discurso do Brasil nos encontros a serem realizados. Segundo o presidente do CNC, o Brasil pretende dar maior ênfase na questão da sustentabilidade econômica dos produtores de café como base para outras ações da Organização Internacional. "Nesse sentido, é aguardado com expectativa o pronunciamento do deputado Carlos Melles, que será feito na sessão de abertura do Conselho da OIC, amanhã", contou Ximenes, explicando que o parlamentar será o porta-voz das intenções da cadeia produtiva do café do Brasil no âmbito da principal entidade mundial do produto. Também de acordo com o presidente do CNC, nesta terça-feira foram realizados contatos com delegações de outros países produtores membros da OIC, em particular as de países africanos. "Essas conversas foram extremamente produtivas, com várias delegações indicando que estão prontas a apoiar o Brasil na construção de uma pauta de ações concretas da OIC, no sentido de se gerar sustentabilidade econômica aos cafeicultores de todo o mundo", finalizou Ximenes. As informações partem CNC.

  Para evitar que a greve da ECT (Empresa de Correios e Telégrafos) prejudique os cafeicultores, os organizadores do 19º Prêmio Ernesto Illy de Qualidade do Café para Espresso vão aceitar as amostras enviadas de acordo com a data de postagem. As amostras que chegarem à Porto de Santos (PDS) após o dia 22 de setembro (data final para as inscrições) vão ser avaliadas, desde que a data de postagem esteja dentro do prazo legal.

A greve dos Correios teve início no último dia 16 e atinge vários estados do país. Por causa da paralisação, o setor de entregas, principalmente de Sedex, está prejudicado. A PDS, responsável pela compra e exportação dos grãos brasileiros que compõem o blend do café illy já recebeu mais de 400 inscrições. As amostras devem ser enviadas junto com a ficha de inscrição , que pode ser  encontrada nos site:
www.portosantos.com.br e www.clubeilly.com.br, para a - Porto de Santos Comércio e Exportação LTDA, que fica na Rua do Comércio, número 55, 9º andar, Santos – SP. CEP: 11010-141.

 

Infocafé é um informativo diário, da Mellão Martini
 

Veja tambÉm: