Mercado

Cafeicultores compram 20 mil Contratos de Opção de Venda

 

postado em 22/07/2009 | Há 8 anos

Produtores de café e suas cooperativas compraram 20 mil Contratos de Opção no leilão realizado pela CONAB, nesta quarta-feira (22). Com a operação, os agricultores asseguraram a venda ao governo de 2 milhões de sacas de café arábica, equivalente a 120 mil toneladas do produto. Os contratos vencem entre 15 de janeiro e 15 de março de 2010 e, caso todos os cafeicultores decidam negociar sua colheita com a CONAB, a estatal deve investir R$ 622,59 milhões.

"Desde o leilão da semana passada, o mercado já apresentava indícios de melhoria nos preços pagos aos produtores" diz o superintendente de Operações Comerciais da CONAB, João Paulo de Moraes. Segundo Moraes, nas próximas semanas já será possível avaliar se essa tendência de alta se confirma e ajuda a melhorar a rentabilidade dos produtores.

A operação desta quarta-feira foi divida em três lotes, contendo 8.000, 7.000 e 5.000 contratos. Destes, 16.307 foram negociados em São Paulo, 1.434 em Belo Horizonte, 1.193 em Uberlândia, 530 em Maringá, 441 em Londrina, 90 em Goiânia, 4 em Campo Grande e 1 em Curitiba. Cada contrato foi negociado entre R$ 154,51 e R$ 157,21.

Desde 2002, a CONAB não realizava leilões de contratos de opção para o mercado de café. Na época foram negociados 22.980 contratos de grãos do tipo arábica e 238 contratos para o robusta.

 

Veja tambÉm: