Mercado

Estimativas indicam que 300 hectares de café foram atingidas na chuva de granizo em Botelhos MG

 

postado em 30/06/2009 | Há 8 anos

Agência Estado

Chuva de granizo prejudica lavouras em Botelhos (MG)
Agência Estado
29/06/2009

Raquel Massote
 
Uma chuva de granizo, que caiu na cidade de Botelhos, no sul de Minas, no último sábado (27) trouxe prejuízos para as lavouras de café da região. De acordo com informações da filial da Cooperativa de Cafeicultores de Guaxupé (Cooxupé), no município, as primeiras estimativas indicam que 300 hectares, de uma área de aproximadamente 12 mil hectares de café, tenham sido atingidos. "Estamos terminando a avaliação, mas tudo indica que parte das lavouras onde houve incidência das chuvas terá que ser recepada ou replantada", afirmou o agrônomo da filial da Cooxupé, Antônio Francisco da Costa Coutinho. A grande dificuldade é que em caso de poda ou replantio, as plantas só voltam a produzir dentro de dois ou três anos.
 
A chuva, que não é comum para esta época do ano, durou 20 minutos e chegou a derrubar parte da cobertura do ginásio poliesportivo, atingindo também o prédio da prefeitura. Há 40 dias, outra chuva de granizo atingiu o município, porém não na mesma intensidade. Na cidade, dois postos de combustível também tiveram parte da estrutura arrancada pela força do vento. Segundo as informações, 11 pessoas ficaram feridas. A prefeitura de Botelhos já encaminhou documento ao governo do Estado, para que seja decretado estado de calamidade pública na cidade.
 
De acordo com a meteorologista Olívia Nunes, da Somar, a chuva de granizo foi provocada pela chegada de uma frente fria, que passou pela Região Sudeste no último fim de semana. Segundo ela, as nuvens carregadas de gelo encontraram temperatura baixa em solo, o que favoreceu a queda de granizo. Conforme a Somar, não há previsão de novas chuvas de granizo nos próximos dias na região

 

Veja tambÉm: