Mercado

NY DISPARA, MAS AINDA NÃO POR CAUSA DOS FUNDAMENTOS

 

postado em 12/03/2009 | Há 9 anos

Blog do Café

NY DISPARA, MAS AINDA NÃO POR CAUSA DOS FUNDAMENTOS

Quando Ronaldo Fenômeno marcou seu primeiro gol pelo Corinthians, no clássico pelo Campeonato Paulista de Futebol contra o Palmeiras, o narrador Milton Leite (SPORTV) descreveu a cena da seguinte maneira: “senhoras e senhores, o Fenômeno voltou!”. Esse bloggeiro corintiano achou simplesmente “fenomenal” a sacada do narrador.

 

Nesta quinta-feira, os contratos futuros do café arábica explodiram no fechamento da ICE Futures US, mas, infelizmente, ainda não foi a ocasião para dizermos: “senhoras e senhores, os fundamentos voltaram!”

 

Segundo um analista consultado pelo BLOG DO CAFÉ, a forte valorização dos futuros veio com o suporte dado por compras técnicas e coberturas de posições vendidas frente a preocupações inflacionárias. “No começo dos negócios, o café foi pressionado pela firmeza do dólar e caiu a 104,45 centavos. Contudo, traders começaram a cobrir posições vendidas, influenciados pela forte alta das ações em Wall Street, o que acionou ordens de compra a 108 centavos”, explicou.

 

Conforme ele, a disparada do mercado acionário despertou preocupação sobre a inflação, assim, os fundos devem cobrir mais posições vendidas. “Se Wall Street se estabilizar, o mercado de café verá a minimização das perdas e, provavelmente, os fundamentos devem prevalecer”, disse. Caso isso ocorra, aí sim este bloggeiro terá o prazer de plagiar o narrador Milton Leite e dizer “senhoras e senhores, os fundamentos voltaram!”

 

No fechamento da bolsa de Nova Iorque, os três primeiros contratos dispararam 350 pontos cada, ficando cotados, respectivamente, a 108,45 centavos de dólar por libra peso (março), a 110,55 centavos de dólar por libra peso (maio) e a 112,70 centavos de dólar por libra peso (julho).

 

Nova Iorque (US$ cents por libra peso)

Contratos

11/03/2009

12/03/2009

Diferença

(%)

mar/09

104,95

108,45

3,50

3,33

mai/09

107,05

110,55

3,50

3,27

jul/09

109,20

112,70

3,50

3,21



Escrito por Paulo André (PA
 

Veja tambÉm: